Analistas do Itaú BBA recomendam ações do Banco do Brasil para 2024

Analistas do Itaú BBA recomendam ações do Banco do Brasil para 2024

Analistas do Itaú BBA estão otimistas com as ações do Banco do Brasil (BBAS3) para 2024. A instituição tem estimativas acima do consenso para o lucro da estatal em 2024, de R$ 39 bilhões, o que representa um crescimento de 9% em relação às estimativas para 2023. Para completar, o BBA enxerga potencial para aumento de distribuição de dividendos. O valuation também permanece bem descontado, com a ação negociada a 3,5 vezes P/L (preço sobre lucro) e 0,7 vez P/VP (preço sobre valor patrimonial), com um dividend yield de aproximadamente 10%.

Os analistas do BBA destacam os seguintes fatores que sustentam a recomendação de compra para as ações do Banco do Brasil:

  • Estrutura de custos favorável: O Banco do Brasil tem uma das menores estruturas de custos do setor bancário, o que lhe dá uma vantagem competitiva em termos de rentabilidade.
  • Carteira de crédito diversificada: O Banco do Brasil tem uma carteira de crédito diversificada, com exposição a diferentes segmentos e regiões do país. Isso reduz o risco de concentração de crédito.
  • Presença regional forte: O Banco do Brasil é o banco com a maior presença regional do Brasil, o que lhe dá uma vantagem competitiva em termos de acesso a clientes e oportunidades de crescimento.

Os analistas do BBA também recomendam as ações do Nubank (ROXO34), BTG Pactual (BPAC11) e Banco Pan (BPAN4). No entanto, eles acreditam que as ações do Banco do Brasil apresentam o melhor potencial de valorização para 2024.

Os analistas do Itaú BBA acreditam que as ações do Banco do Brasil são uma boa oportunidade de investimento para 2024. A instituição destaca a estrutura de custos favorável, a carteira de crédito diversificada e a presença regional forte do banco como fatores que sustentam a recomendação de compra.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *