Bancos alertam sobre golpes na Black Friday

Latest NewsNewsPopular NewsRecent News
Bancos alertam sobre golpes na Black Friday
Bancos alertam sobre golpes na Black Friday

A Federação Brasileira de Bancos (Febraban) alerta para o aumento significativo de golpes durante a Black Friday, que ocorre nesta sexta-feira (24). A entidade reforça a necessidade de redobrar a atenção ao lidar com ofertas muito atrativas, lojas em redes sociais e ter precaução com o uso de cartões.

Os criminosos aproveitam o clima de euforia gerado pelo grande volume de promoções para aplicar golpes usando técnicas de “engenharia social”. Isso envolve a manipulação do usuário para obter informações confidenciais, visando o roubo de dados pessoais.

Algumas das abordagens fraudulentas mais comuns durante a Black Friday incluem:

  • Páginas falsas que simulam e-commerces: criminosos criam sites falsos que se parecem com os de lojas reais para atrair consumidores. Ao inserir dados pessoais ou realizar pagamentos, as vítimas acabam fornecendo informações para os criminosos.
  • Promoções inexistentes enviadas por e-mails, SMS e mensagens de WhatsApp: criminosos enviam mensagens falsas com ofertas imperdíveis para tentar convencer as vítimas a clicar em links ou fornecer dados pessoais.
  • Criação de perfis falsos em redes sociais: criminosos criam perfis falsos de lojas ou influenciadores para divulgar ofertas falsas ou solicitar dados pessoais.

Para se proteger contra esses golpes, a Febraban recomenda aos consumidores:

  • Comprar preferencialmente em sites conhecidos: antes de realizar uma compra, pesquise a reputação da loja em páginas de reclamações e compare os preços com outras lojas.
  • Evitar o uso de computadores públicos para efetuar compras ou inserir dados bancários: computadores públicos podem estar infectados com malwares que podem roubar dados pessoais.
  • Examinar com atenção as formas de pagamento oferecidas pelos e-commerces: desconfie de lojas que oferecem apenas uma ou poucas opções de pagamento.
  • Desconfiar de promoções com preços significativamente menores do que o valor real do produto: promoções muito atrativas podem ser um sinal de golpe.
  • Não fornecer dados pessoais a sites desconhecidos: desconfie de sites que solicitam o preenchimento de formulários com dados pessoais para ter acesso às promoções da Black Friday.
  • Usar cartões virtuais em compras online: cartões virtuais são emitidos com um número de cartão diferente do cartão físico, o que dificulta o roubo de dados.
  • Utilizar os serviços de avisos de transações oferecidos pelos bancos: esses serviços informam instantaneamente o valor realizado para cada transação.
  • Conferir o valor na maquininha antes de digitar a senha: ao fazer uma compra presencial com cartão, é essencial conferir o valor na maquininha antes de digitar a senha.
  • Realizar pagamentos com Pix dentro do ambiente da loja virtual: ao receber o código QR Code, os consumidores devem verificar minuciosamente todos os dados do pagamento e certificar-se de que a loja escolhida é realmente a destinatária do dinheiro.

A Febraban enfatiza que a atenção a esses cuidados contribui para a segurança dos consumidores durante a Black Friday.tunesharemore_vertadd_photo_alternate

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *